Vespa asiática

O que é a vespa asiática?

A Vespa asiática é um inseto, da família dos vespídeos, de dimensões que varia de acordo com o alimento, o lugar e a temperatura onde se encontra. A vespa asiática tem patas amarelas, tórax preto, face da cabeça alaranjada, abdómen preto com o quarto segmento alaranjado e listas finas alaranjadas nos restantes. A sua dimensão varia entre os 2,5 e os 3 centímetros de comprimento, mas as vespas fundadoras, de maior dimensão, podem atingir entre os 3 e os 3,5cm de comprimento.

Qual é a origem da vespa asiática?

A vespa asiática é originária de regiões tropicais e subtropicais desde o norte da Índia até ao leste da China, Indochina e arquipélago da Indonésia.

Existe em Portugal desde quando?

Desde 2011 que está confirmada a sua presença em Portugal. Os primeiros ninhos e avistamentos do inseto foram confirmados nos distritos de Braga e Viana do Castelo e, desde então, tem-se assistido a uma progressão gradual da área afetada no território nacional. A vespa asiática instala-se sobretudo nas áreas urbanas e nas zonas de transição entre espaços rurais e urbanos (áreas periurbanas),podendo constituir um risco para essas populações pela sua agressividade e concentração de ninhos.

Qual o impacto negativo desta espécie?

O principal impacto conhecido desta espécie é a predação das abelhas. Configura também uma ameaça na produção agrícola, por via da diminuição da reprodução vegetal (polinização). Quando perturbada, a vespa asiática também poderá representar um risco para as pessoas, devido à sua picada, tal como acontece com as de outras vespas e  abelhas.

Existe alguma medida de controlo da espécie?

Sim. Em 2017, através do Despacho n.º 8813/2017 – Diário da República n.º 193/2017, Série II de 2017-10-06 foi criada a Comissão de Acompanhamento para a Vigilância, Prevenção e Controlo da Vespa velutina. Posteriormente foi elaborado o Plano de Ação para a Vigilância e Controlo da Vespa velutina em Portugal, tendo sido revisto e atualizado em 2018.

O que faço se vir um ninho?

Deve contactar as autoridades competentes:

  • GNR
  • Proteção civil da área afetada
  • Serviços municipais da área afetada
  • Pode também contactar a linha SOS Ambiente – 808 200 520 ou preencher este formulário e encaminhá-lo para a junta de freguesia da área afetada ou entrar em contacto com os serviços municipais.

Posso destruir o ninho?

Não. Nunca se deve aproximar do ninho, nem tentar mexer-lhe, porque esta espécie reage muito a perturbações. Ao identificar um ninho de vespa asiática deverá alertar as autoridades competentes para dar seguimento à sua destruição tendo em conta o Manual de Boas Práticas na destruição de ninhos de Vespa velutina.

Quais os riscos ao ser picado pelo inseto?

Pode sofrer apenas uma picada ou desenvolver uma alergia ao veneno que é injetado. Em casos mais graves pode desenvolver-se uma reação alérgica muito grave e de rápida evolução (choque anafilático) com o aparecimento de:

  • inchaço dos lábios, língua, face ou garganta
  • manchas vermelhas
  • muita comichão

Nestes casos deve ligar imediatamente para o 112.

O que faço se for picado por uma vespa asiática?

O tratamento da picada pode ser realizado em casa seguindo estes conselhos:

  • Remover o ferrão
  • Lavar o local da picada com água abundante
  • Colocar gelo para reduzir o edema

Em caso de reação alérgica muito grave, ligue imediatamente para o 112.

Para as restantes situações pode contactar o SNS 24 – 808 24 24 24, utilizando o serviço de Triagem, Aconselhamento e Encaminhamento.

Fonte: Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS)

Feedback Sim

Feedback Não