Tétano

2 minutos de leitura

O que é?

O tétano é uma infeção aguda e grave, causada pela toxina do bacilo tetânico Clostridium tetani, que entra no organismo pelas feridas ou lesões da pele. Não é transmitido de pessoa para pessoa.

Quais são os sintomas?

O tétano caracteriza-se por:

  • espasmos musculares
  • cãibras
  • convulsões (que resultam da multiplicação da bactéria e libertação de toxinas)

Estes efeitos, quando acontecem nos músculos da mandíbula, não permitem a abertura da boca. Quando ocorrem nos músculos respiratórios podem provocar a morte por sufocação.

A infeção do recém-nascido (tétano neonatal) é rara, mas pode ocorrer, especialmente em partos fora dos ambientes hospitalares, quando são utilizados objetos contaminados para cortar o cordão umbilical.

Como se transmite?

O tétano transmite-se pela contaminação de qualquer tipo de ferida com esporo da bactéria Clostridium tetani, que se encontra no meio ambiente.

Qual é o período de incubação?

O período de incubação médio do tétano é de 10 dias (podendo variar de 2 a 21 dias). No tétano neonatal (“mal dos sete dias”) é, em média, 7 dias (geralmente entre 4 e 14 dias).

Existe vacinação?

Sim. O Programa Nacional de Vacinação inclui uma vacina que deve ser administrada aos 2, 4, 6, 18 meses e 5, 10, 25, 45, 65 anos e depois de 10 em 10 anos. As grávidas devem fazer a vacina em cada gravidez. Pode obter mais informações relativas no guia Vacinação.

 

Fonte: Direção-Geral da Saúde (DGS)

Ver temas relacionados

Feedback Sim

Feedback Não